A verdade do Senhor é imutável e dura de geração a geração.

Salmo 100: 5
Porque o SENHOR é bom, e eterna, a sua misericórdia; e a sua verdade estende-se de geração a geração.”

A ideologia de gênero nasceu da subcultura feminista e dos movimentos gays. Eles defendem a suposta, esdruxula e ofensiva natureza “social” e não biológica do sexo. E, essa ideologia está sendo propagada como algo de fundamental relevância, conquanto que, seu verdadeiro objetivo é a difusão maciça do homossexualismo masculino e feminino. Os autores desta insana ideologia sustentam a tese de que os indivíduos heterossexuais, são heterossexuais por imposição da sociedade, da cultura patriarcal tradicional e machista. Nenhum ser humano, no seu perfeito juízo, senso moral e capacidade de raciocínio pode aceitar o argumento descabido da ideologia de gênero – a sexualidade é produto do meio. Cristãos e até mesmo não cristãos têm desaprovado as questões que envolvem a ideologia de gênero. Não se trata de preconceito com as pessoas que desejam seguir uma orientação sexual diferente, escolha essa que deve ser respeitada. Mas a questão é que as famílias heterossexuais se sentem “roubadas” no direito de terem uma opinião contrária e acreditam que alguns grupos estão em busca não de direitos comuns a qualquer cidadão, mas de direitos exclusivos em detrimento dos direitos dos outros.

A ideologia de gênero é uma ofensa ao bom senso e à razão humana, além de ser, também, uma ofensa grave a Deus que criou o homem e a mulher para que um complementasse o outro, os quais, havendo união conjugal, pudessem procriar e encher a terra. Ora, se essa ideologia alcançar seu objetivo, as famílias, naturalmente constituídas por um homem e uma mulher, pessoas heterossexuais e do tipo monogâmica, irão desaparecer da face da terra. Se as famílias, do tipo que Deus instituiu, forem extintas, a Igreja de Cristo estará sob forte ameaça de ser subjugada pelas portas do inferno.

A sociedade prefere praticar o que é “politicamente correto” a se indispor com alguém ou grupo de pessoas, mas a Igreja de Jesus Cristo, que somos nós, não agimos assim, nós praticamos aquilo que é espiritualmente correto e, sendo assim, confrontaremos o pecado, a mentira, o engano e todo e qualquer artifício que o diabo usar para denegrir, insultar ou ofender a santidade de Deus.

Nossa geração tem permitido muito lixo adentrar em sua casa numa boa, não reage, não se incomoda, apenas vai aceitando tudo como se estivesse anestesiada, o problema é que um dia o efeito da anestesia passa. Penso que precisamos desenvolver urgentemente filtros capazes de ajudar-nos a fazer boas escolhas. Estes filtros precisam passar pelos testes da Palavra. Precisa passar no teste do ‘quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, façais tudo para a glória de Deus” (Pr Edimilson Mendes)

Se leões ferozes e famintos, espadas afiadíssimas, cruzes dolorosas, fogueiras abrasadoras, exílios solitários, fuzilamentos, torturas ou perseguições, não foram capazes de impedir a propagação do Evangelho de Cristo, não será um conceito absurdo e aberrante que conseguirá isso.

Deus te abençoe.
Graça e Paz.

Compartilhar

Erivelton

Cristão Evangélico; Obreiro do Senhor Jesus Cristo, pela misericórdia de Deus; Professor da EBD; Capelão; Estudante persistente da Palavra de Deus; Membro da Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Min. Boas Novas em Guarapari-ES. Casado com a Inês; pai do Hugo, do Lucas e da Milena.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.