A tragédia de um casamento misto.

Juízes 14: 1-16
 “E desceu Sansão a Timna; e, vendo em Timna a uma mulher das filhas dos filisteus, subiu, e declarou-o a seu pai e a sua mãe, e disse: Vi uma mulher em Timna, das filhas dos filisteus; agora, pois, tomai-ma por mulherE disse Sansão a seu pai: Tomai-me esta, porque ela agrada aos meus olhosMas seu pai e sua mãe não sabiam que isto vinha do Senhor; … Então, o Espírito do Senhor se apossou dele tão possantemente, … Persuade a teu marido que nos declare o enigma, para que, porventura, não queimemos a fogo a ti e à casa de teu pai; …  E ele lhe disse: Eis que nem a meu pai nem à minha mãe o declarei e to declararia a ti?”

Embora os filisteus não estivessem listados com os povos dos quais os israelitas não deveriam casar-se ou darem em casamento, todavia, como o Senhor orientara, o problema não estava exclusivamente sobre os cananeus, por isso Ele disse: – “Porque te não inclinarás diante de outro deus; pois o nome do Senhor é Zeloso; Deus zeloso é ele; para que não faças concerto com os moradores da terra, e não se prostituam após os seus deuses, nem sacrifiquem aos seus deuses, e tu, convidado deles, comas dos seus sacrifícios, e tomes mulheres das suas filhas para os teus filhos, e suas filhas, prostituindo-se após os seus deuses, façam que também teus filhos se prostituam após os seus deuses”.

Passo, doravante, a transcrever (literalmente) um precioso ensino contido na Bíblia de Estudo Pentecostal acerca do assunto proposto.

O Senhor abençoou a Sansão e o revestiu do poder do Espírito, mas ele cometeu erros fatais que o levaram ao fracasso espiritual e à morte física. Entre esses erros estão os seguintes:
(1) Não se firmou na palavra de Deus. Demonstrou falta de interesse e de respeito para com os mandamentos de Deus, e desprezou totalmente a lei de Deus quanto ao casamento misto – “Põe agora a tua mão debaixo da minha coxa, para que eu te faça jurar pelo Senhor, Deus dos céus e Deus da terra, que não tomarás para meu filho mulher das filhas dos cananeus, no meio dos quais eu habito, mas que irás à minha terra e à minha parentela e daí tomarás mulher para meu filho Isaque”.
(2) Não fez caso do ensino que seus pais lhe transmitiram da parte de Deus, e abandonou os princípios bíblicos de vida, para fazer a sua própria vontade – “Então, Manoá orou instantemente ao Senhor e disse: Ah! Senhor meu, rogo-te que o homem de Deus, que enviaste, ainda venha para nós outra vez e nos ensine o que devemos fazer ao menino que há de nascer”.
(3) Diferente de Moisés, que escolheu sofrer adversidades com o povo de Deus, ao invés de desfrutar dos prazeres passageiros do pecado, Sansão decidiu liberar suas emoções e atender seus desejos de maneira desagradável a Deus – “E disse Sansão a seu pai: Tomai-me esta, porque ela agrada aos meus olhos”.
(4) Visando ao proveito e às vantagens pessoais, menosprezou os dons e o poder que Deus lhe concedera.

Mas seu pai e sua mãe não sabiam que isto vinha do Senhor”, esta declaração bíblica, sobre hipótese alguma, deve ser interpretada como que o nosso Deus estava impelindo Sansão a agir desobedientemente, o que isso significa é que o nosso Deus, mesmo diante de situações em que estamos agindo contrário à Sua vontade, age para que Seus propósitos sejam cumpridos. Deus serviu-se desse mal na vida de Sansão como ocasião para cumprir seu propósito contra os filisteus.

A grande força física de Sansão não provinha dele mesmo, mas do Espírito ter descido sobre ele. E, no novo concerto, o Espírito Santo também vem sobre os crentes, mas não para nos dar grandes forças físicas, pelo contrário, o Espírito Santo nos reveste de poder para viver e testemunhar por Cristo.

Erivelton Figueiredo

Deus te abençoe.
Graça e Paz.

Referências:
– Bíblia de Estudo Pentecostal pag  407 (extraído na íntegra)

Compartilhar

2 thoughts on “A tragédia de um casamento misto.

  • 16 de setembro de 2020 em 06:53
    Permalink

    A paz do senhor , Deus abençoe grandemente….

    Maravilha de leitura…que cada uma de nós possamos guardar que o espírito santo é um revestimento de poder na vida do crente para ele testificar a Cristo

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.