Devocional lição 10/ 1ºtrim 2017, Segunda-feira – Revestindo-se de mansidão.

Colossenses 3:12
Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus, santos e amados, de entranhas de misericórdia, de benignidade, humildade, mansidão, longanimidade

O crente é advertido incessantemente pelo Espírito Santo que, a condição de vida que ele tem agora é radicalmente diferente da anterior. Devemos, agora na condição de filhos, agradar o Nosso Pai em tudo que fizermos e o mundo tem que perceber que agora vivemos uma nova vida. 

O revestimento, geralmente é para esconder algumas imperfeições. O conselho de Paulo para os crentes é que devemos esconder nossas imperfeições debaixo do caráter de Deus. É interessante observar que ao se referir aos crentes colossenses, Paulo os chama de “homens jovens” (neon), ou seja, era um grupo de crentes neófitos na fé, e que ainda não tinham entendido muito bem o que era novo nascimento. Eles ainda não entendiam que quando um incrédulo peca, é uma criatura transgredindo as leis do Criador e Juiz santo. Mas quando um cristão peca, é um filho de Deus entristecendo o coração amoroso do Pai. Eles ainda não compreendiam que o amor é a motivação mais forte do mundo. À medida que o amor do cristão por Deus cresce, também aumenta seu desejo de obedecer ao Senhor e de andar na novidade de vida que possui em Jesus Cristo.

Ser manso não é ser covarde ou medroso, ser manso é ter controle total sobre o temperamento e atitudes. A mansidão é o oposto do espírito violento. Consiste em moderação, paz e submissão, sem qualquer idéia de fraqueza ou sentimento de inferioridade. Na Bíblia vemos que ela está vinculada à coragem, à fortaleza e à resolução. Moisés era homem muito manso; mas, ao mesmo tempo, estava sempre pronto a agir em momentos difíceis. Nos pensamentos modernos, a mansidão não é uma qualidade admirável. Hoje em dia, a palavra tem uma conotação impropria para o seu real significado, as pessoas veem nos “mansos” algo que se define como sendo fraqueza, desanimo e falta de hombridade.
Ser manso é mais do que ser apenas delicado e gracioso. Ser manso é o segredo de alcançar o que se busca avidamente, é o segredo dos que tem suas vidas cheias do poder do Espírito Santo, pois tais crentes serão bem-aventurados e herdarão a terra. Ser manso faz do homem um “rei” entre os demais. 

A mansidão deve ser uma marca e uma característica indispensável ao crente, seguidor de Jesus, porquanto todo verdadeiro crente nasce do Espírito, que agora habita nele.
Ora, o nosso Deus é um Deus manso.

Deus te abençoe.
Graça e Paz.

Compartilhar

Erivelton

Cristão Evangélico; Obreiro do Senhor Jesus Cristo, pela misericórdia de Deus; Professor da EBD; Capelão; Estudante persistente da Palavra de Deus; Membro da Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Min. Boas Novas em Guarapari-ES. Casado com a Inês; pai do Hugo, do Lucas e da Milena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.