Um sermão que nos permite desfrutar da felicidade divina.

Apocalipse 1: 3; 14: 13; 22: 17
 “Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo”.
 “E ouvi uma voz do céu, que me dizia: Escreve: Bem-aventurados os mortos que, desde agora, morrem no Senhor. Sim, diz o Espírito, para que descansem dos seus trabalhos, e as suas obras os sigam”.
 “E o Espírito e a esposa dizem: Vem! E quem ouve diga: Vem! E quem tem sede venha; e quem quiser tome de graça da água da vida”.

Como escrevemos nos dois artigos anteriores, o Senhor Jesus começa o sermão do monte estabelecendo o tipo do caráter do crente e, em seguida, Ele fala do que está reservado ao crente obediente às Suas palavras. Jesus, agora, vai falar da justiça do reino e, enfatiza que Ele não veio para destruir a lei e os profetas. Jesus volta-se para a qualidade da justiça do reino – “Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou há de odiar um e amar o outro ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a Mamom”.

Quando João diz “o tempo está próximo”, está insistindo com seus leitores para que estejam prontos para o Juízo Final e o estabelecimento do Reino de Deus. Não sabemos quando esses eventos ocorrerão, mas devemos estar sempre preparados. Eles acontecerão rapidamente, e não nos será dada outra oportunidade para mudar de lado.

As típicas notícias que recebemos das reportagens cheias de violência, escândalos e disputas políticas, são deprimentes e até nos levam a imaginar para onde o mundo está caminhando. O plano de Deus para o futuro, entretanto, nos traz inspiração e encorajamento porque sabemos de antemão que Ele intervirá na História para derrotar o mal. João está conclamando as igrejas a lerem esse livro em voz alta, a fim de que todos possam ouvir suas palavras e aplicá-las, e estarem certos de que Deus triunfará.

Em Apocalipse encontramos a bênção para aqueles que ouvem a leitura e explanação do mesmo e, então, respondem com obediência. Essa é a primeira (1:3) das sete bem-aventuranças do livro. A próxima grande época da história redentora de Deus está iminente. Porém, embora a vinda de Cristo seja o próximo acontecimento muitas pessoas começarão a questionar se ele algum dia virá, pelo fato de desconhecermos quando isso ocorrerá.

O livro do Apocalipse descreve acontecimentos futuros, mas nele não existe aquele pessimismo sombrio que alguns poderiam esperar. Por trás das previsões estão importantes princípios sobre o caráter e as promessas de Deus. À medida que o lemos, conhecemos melhor a Deus e confiamos nEle mais completamente. O drama que acompanha o desenrolar desses eventos é espetacular, mas não há nada a temer para aqueles que estão do lado vitorioso. Ao meditar sobre o futuro, caminhemos confiantes, porque Cristo, o Vencedor, caminha conosco.

Erivelton Figueiredo

Deus te abençoe.
Graça e Paz.

Referências:
– Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal.
– Bíblia de Estudo MacArthur

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.