Devocional lição 06/ 3º trim 2017, Segunda-feira – Todos os humanos são pecadores.

Salmo 51:5
Eis que em iniquidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe

O pecado é para o ser interior aquilo que a sujeira é para o corpo, de modo que era apropriado Davi sentir-se sujo por causa do que havia feito. Ao cometer adultério e homicídio, havia atravessado a linha instituída por Deus em sua lei; havia errado o alvo determinado por Deus para ele e cedido à sua natureza pecaminosa e pervertida. Havia se rebelado intencionalmente contra Deus, e, de acordo com a lei, não existiam sacrifícios de expiação para esses pecados deliberados. Além disso, Davi confessou que não era apenas um pecador por opção, mas também por natureza. 

O problema do mal que há no mundo sempre foi considerado um dos mais profundos problemas da filosofia e da teologia. É um problema que se impõe naturalmente à atenção do homem, visto que o poder do mal é forte e universal, é uma doença sempre presente na vida em todas as manifestações desta, e é matéria da experiência diária na vida de todos os homens. Os filósofos foram constrangidos a encarar o problema e a procurar uma resposta quanto à origem de todo mal, e particularmente do mal moral, que há no mundo. A alguns, pareceu uma parte de tal modo integrante da vida, que buscaram a solução na constituição natural das coisas. Outros, porém, estão convictos que o mal teve uma origem voluntária, isto é, que se originou na livre escolha do homem, quer na existência atual quer numa existência anterior. Estes acham-se bem mais perto da verdade revelada na Palavra de Deus.

Na Escritura, o mal moral existente no mundo transparece claramente como pecado, isto é, como transgressão da lei de Deus. Nela o homem sempre aparece como transgressor por natureza, e surge naturalmente a questão: Como adquiriu ele essa natureza? Que revela a Bíblia sobre esse ponto?
O decreto eterno de Deus evidentemente deu a certeza da entrada do pecado no mundo, mas não se pode interpretar isso de modo que faça de Deus a causa do pecado no sentido de ser Ele o seu autor responsável. Quando criou o homem, criou-o bom e à Sua imagem. Ele positivamente odeia o pecado, e em Cristo fez provisão para libertar do pecado o homem. Com respeito à origem do pecado na história da humanidade, a Bíblia ensina que ele teve início com a transgressão de Adão no paraíso e, portanto, com um ato perfeitamente voluntário da parte do homem. O tentador veio do mundo dos espíritos com a sugestão de que o homem, colocando-se em oposição a Deus, poderia tornar-se semelhante a Deus. Adão se rendeu à tentação e cometeu o primeiro pecado, comendo do fruto proibido.

Esse pecado trouxe consigo corrupção permanente, corrupção que, dada a solidariedade da raça humana, teria efeito, não somente sobre Adão, mas também sobre todos os seus descendentes. Como resultado da Queda, o pai da raça só pôde transmitir uma natureza depravada aos pósteros. Dessa fonte não santa o pecado flui numa corrente impura passando para todas as gerações de homens, corrompendo tudo e todos com que entra em contato.

Quem da imundícia poderá tirar cousa pura? Ninguém
Mas ainda isso não é tudo. Adão pecou não somente como o pai da raça humana, mas também como chefe representativo de todos os seus descendentes; e, portanto, a culpa do seu pecado é posta na conta deles, pelo que todos são passíveis de punição e morte. É primariamente nesse sentido que o pecado de Adão é o pecado de todos.

Portanto, assim como por um só homem entrou o pecado no mundo, e pelo pecado a morte, assim também a morte passou a todos os homens, porque todos pecaram”.

Deus te abençoe.
Graça e Paz

Compartilhar

Erivelton

Cristão Evangélico; Obreiro do Senhor Jesus Cristo, pela misericórdia de Deus; Professor da EBD; Capelão; Estudante persistente da Palavra de Deus; Membro da Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Min. Boas Novas em Guarapari-ES. Casado com a Inês; pai do Hugo, do Lucas e da Milena.

One thought on “Devocional lição 06/ 3º trim 2017, Segunda-feira – Todos os humanos são pecadores.

  • 21 de março de 2018 em 09:47
    Permalink

    O pecado nivela os humanos para baixo, amesquinha-os e os expõe ao ridículo. O milionário “pegador de mulher” nunca mistura com um pobre “pegador de mulher”. Continuam incluído e excluído e para piorar nivelados para baixo…:)

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.