Satanás é um ser já derrotado.

Lucas 10: 18-19
E disse-lhes: Eu via Satanás, como raio, cair do céu. Eis que vos dou poder para pisar serpentes, e escorpiões, e toda a força do Inimigo, e nada vos fará dano algum.”

Essa promessa de Jesus feita aos setenta discípulos, quando mal interpretada, faz muitos crentes serem presas fáceis de Satanás. Desde os primórdios da igreja a grande preocupação dos apóstolos era com a base doutrinaria dos crentes. A preocupação era com o fundamento que estava sendo posto, pois aquilo que seria edificado necessitaria de uma base sólida, firme e substanciada nas Sagradas Escrituras –“A minha palavra, e a minha pregação, não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder; Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus.”

Embora, sabemos e cremos que Satanás já está derrotado e que isso não tem como ser revogado, devemos estar cientes de que ele também é conhecedor disto e que, por causa disto, está arrebanhando o máximo de pessoas para o acompanharem nesta derrota –“Então dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos”, é digno de nota, ver nesta declaração de Jesus, que o inferno não foi preparado para nenhum homem, mas, exclusivamente para o diabo e seus anjos malignos.

Quando disse que tem muito crente se tornando presa fácil de Satanás por causa desta declaração de Jesus Cristo, me refiro ao que algumas igrejas estão fazendo com aqueles que querem se aproximar de Cristo com o fim de andarem irrepreensíveis diante de Deus. Ultimamente tem-se formado em algumas igrejas, somente evangélicos, as pessoas que tem se achegado a cruz de Cristo afim de receber salvação, estão recebendo ensino para se tornarem excelentes evangélicos, são instruídos em todos os dogmas religiosos em detrimento às doutrinas bíblicas e, quando se “cria” um evangélico, sua mente está voltado apenas para as questões da instituição e não para o Reino de Deus. Satanás está atento e, sem dúvida, contribui para que isso continue assim.

Jesus não dá poder a qualquer pessoa que esteja dentro da igreja. O poder será outorgado aos que estiverem capacitados para receber (estudamos a poucos dias sobre a parábola dos talentos). Cada crente fiel vai receber o poder conforme sua capacidade de administra-lo. Não é todo crente que terá condições de sozinho, enfrentar o diabo e seus demônios. Deus sabe disso, quem não sabe somos nós.

Atentemos para o tipo de ensino que estamos recebendo. Estamos sendo formados para ser filhos do Reino – verdadeiros crentes, ou estão nos transformando e bons evangélicos.

Erivelton Figueiredo

Deus te abençoe.
Graça e Paz.

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.