Jó, exemplo de perfeição espiritual e moral.

Jó 1: 1
 “Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó; e este era homem sincero, reto e temente a Deus; e desviava-se do mal”.

Entre todos os personagens bíblicos, dos quais o próprio Deus deu testemunho da fidelidade e integridade com que andavam diante da face de Deus, a nenhum deles o Senhor se dirigiu chamando-os de perfeitos. Se aproximaram muito da perfeição, mas não alcançaram o nível de perfeição que Deus desejava e, nem poderiam alcançar mesmo que se esforçassem ao máximo. Não precisamos dizer que o nível de perfeição que devemos buscar para andar diante da face de Deus, não se aplica ao conceito que o homem tem de perfeição.

Todavia, existem alguns personagens bíblicos que servem como exemplo a ser seguido naquilo que se aplica a “perfeição”, não que tais personagens foram perfeitos, mas estiveram muito próximo disto. Embora que, em sua humanidade, tais homens eram falhos e limitados, sua conduta em todos os aspectos eram ilibadas e, com isso, suas limitações e falhas eram ofuscadas. Jó é um destes personagens bíblicos que estiveram muito próximo da perfeição.

O anseio de Jó em andar com retidão diante de Deus era tão intenso que até pelos seus filhos ele oferecia sacrifícios – “Sucedia, pois, que, tendo decorrido o turno de dias de seus banquetes, enviava Jó, e os santificava, e se levantava de madrugada, e oferecia holocaustos segundo o número de todos eles; porque dizia Jó: Porventura, pecaram meus filhos e blasfemaram de Deus no seu coração. Assim o fazia Jó continuamente”.

O testemunho que o Senhor Deus dá a respeito de Jó é extraordinário. Segundo as palavras do Senhor – “Homem sincero, reto e temente a Deus”, Jó era sincero com suas palavras; reto em seu comportamento e atitudes: e, a razão disto se dava pelo temor que ele nutria por Deus e, isso faz Jó um exemplo, para nós, de integridade espiritual e moral. Devemos atentar para o seguinte: em momento algum o Senhor disse que Jó não pecava, mas que mesmo sendo pecador, ele (Jó) conseguia ser íntegro diante de Deus.

O termo íntegro é bem aplicado no lugar de perfeito, pois, homem perfeito nós não encontramos, mas homens íntegros sim, e o significado do termo é o estado ou qualidade de quem é eticamente sólido e moralmente bem ajustado. Isto é, uma pessoa íntegra é alguém totalmente probo, irrepreensível na sua conduta, honesta e incorruptível.

Pelo temor que Jó nutria pelo Senhor devemos entender que esse temor não é um medo que faz o escravo encolher-se diante de seu senhor, mas sim a reverência amorosa de um filho diante do Pai, um respeito que conduz à obediência.

Erivelton Figueiredo

Deus te abençoe.
Graça e Paz.

Referências:
– Dicionário Bíblico Wycliffe
– https://www.bing.com/integro+significado

Compartilhar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.