Cristo é a luz do mundo e quem o segue não anda em trevas.

João 8: 12
 “Falou-lhes, pois, Jesus outra vez, dizendo: Eu sou a luz do mundo; quem me segue não andará em trevas, mas terá a luz da vida”.

Não podemos olhar para a Bíblia apenas como um livro que fala coisas concernentes exclusivamente a Deus. A Bíblia além de revelar quem é Deus e o seu propósito para com a humanidade, serve como um guia para todos os que observarem cuidadosamente seus preceitos, pois, como vimos em lições anteriores, tudo quanto está registrado nela é para nosso bem estar de modo geral. Até os erros que alguns servos de Deus cometeram no passado, como Davi, por exemplo, nos servem como instrução e aviso a fim de não embrenharmos nos mesmos caminhos que ele; a queda e a expulsão de Satanás do céu nos mostra o quanto devemos estar atentos e não descuidarmos nunca para não sermos invadidos pelo sentimento soberbo e orgulhoso. Nenhuma palavra na Bíblia Sagrada está registrada inutilmente.

Ao dizer que é a luz do mundo, Jesus está dizendo que seu papel junto ao homem, não é o de apenas “clarear” o caminho pelo qual estamos andando a fim de evitar que tropecemos nos obstáculos. A luz além de iluminar, também revela as imperfeições daquilo que está sendo iluminado e, neste caso, revela as irregularidades do caminho bem como a condição daquele que está caminhando. João disse que Jesus é o Verbo (Palavra) de Deus e, como bem sabemos, a Bíblia é a Palavra de Deus. Desta forma, o Novo Testamento é a completa revelação de Jesus Cristo – revelação da Sua Pessoa; revelação do Seu Amor; e, revelação da Sua Obra em favor ao homem.

Nenhuma das Palavras de Jesus foram pronunciadas de maneira descontextualizada. Todas as vezes em que Ele se comparou a alguma coisa, estava fazendo alguma aplicação de uma situação que estavam vivendo naquele momento. Jesus estava em uma parte do Templo onde as ofertas eram depositadas, onde as lâmpadas eram mantidas acesas para simbolizar a coluna de fogo que conduziu o povo de Israel pelo deserto. Neste contexto, Jesus declarou ser a luz do mundo. A coluna de fogo representava a presença, a proteção e a direção de Deus. Jesus traz a presença, a proteção e a direção de Deus.

Jesus disse que quem O seguir não andará em trevas. Este seguir não quer dizer literalmente ir pelo mesmo caminho, mas, muito mais imprescindível que isso, fala de obedecer tudo quanto está escrito na Bíblia Sagrada. Aquele que se dispõe a seguir deve, consequentemente, se dispor a obedecer incondicionalmente e, na questão de obediência, devemos estar cientes que seguir envolve muito mais do que apenas andar atrás e, além disso, ver aquele que estamos seguindo como exemplo para toda a nossa vida.

Seguir Jesus é dar crédito a toda Palavra de Deus.

Erivelton Figueiredo

Deus te abençoe.
Graça e Paz.

Referências:
– Bíblia de Estudo Aplicação Pessoal

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.