Devocional lição 08/ 3º trim 2017, Terça-feira – A Igreja é a comunidade dos remidos.

Hebreus 12:23
À universal assembleia e igreja dos primogênitos, que estão inscritos nos céus, e a Deus, o Juiz de todos, e aos espíritos dos justos aperfeiçoados

Quando Deus, na sua presciência, viu a queda do homem que haveria de criar, por seu grande amor concebeu um plano de salvação para esse homem, e isso através do sacrifício do seu Filho amado. No seu eterno plano, Deus também determinou as bases e a forma da comunhão que deveria haver entre os que aceitassem a salvação por Jesus Cristo. Foi então que a Igreja surgiu como um plano embrionário no coração de Deus. Esse “embrião” se manteve “oculto em mistério” desde os séculos dos séculos, até que o Pai, na plenitude dos tempos, o quis revelar pelo Espírito Santo. 

Quando Jesus, na plenitude dos tempos, veio e iniciou sua missão, começou a ser revelado aquele mistério de Deus. Os homens que se convertiam pela pregação de Cristo, começaram a segui-lo e a se “congregar em Cristo”. Dessa forma, formou-se em trono de Jesus um agrupamento que foi o início da Igreja. Quando Pedro, na sua confissão, declarou pela sua fé que “Jesus é o Cristo, o Filho do Deus vivo” , Jesus assegurou que sobre essa revelação dada a Pedro, Ele edificaria a sua “Igreja”.

Entretanto, somente quando o Espírito Santo foi derramado sobre os discípulos e eles foram batizados com poder, é que a Igreja foi estabelecida em autoridade e na forma como Deus havia determinado. O mistério de Deus, guardado desde os princípios dos séculos, estava revelado: a Igreja, organismo de Deus na dispensação do Novo Testamento havia aparecido em cena.

Sempre que Deus determina ao homem que faça algo em cooperação consigo, Ele fornece o modelo conforme tudo deve ser feito. Noé construiu a arca, mas foi Deus quem escolheu o material, os moldes e as medidas. Deus determinou até os menores detalhes da arca. Moisés construiu o Tabernáculo, mas foi Deus quem orientou detalhadamente acerca de tudo e enfatizou: “Atenta pois, que o faças conforme seu modelo”.
Quando a Igreja, no dia de Pentecostes, se levantou em poder, não existiam livros ou ordens orientando sobre a forma como ela deveria ser edificada, Jesus ensinou muitas coisas, mas também disse: “Ainda tenho muito que vos dizer, mas vós não o podeis suportar agora. Mas quando vier aquele Espírito da verdade, Ele vos guará em toda verdade”.

Foi isso que aconteceu. O Espírito Santo tomou a direção de tudo, e a Igreja apostólica surgiu em pleno funcionamento, com os mistérios em ação, com os dons operando e com um crescimento notável. Dessa maneira, a Igreja em Jerusalém tornou-se padrão para todos os tempos. Os demais detalhes sobre esse mistério foram manifestados pela revelação que Paulo escreveu através das suas cartas, fornecendo assim, uma doutrina detalhada como uma igreja local deve ser edificada e como deve funcionar.

Porque eu recebi do Senhor o que também vos ensinei

Foi esse ensino que, por toda parte, foi entregue em cada igreja.

Deus te abençoe.
Graça e Paz.

Compartilhar

Erivelton

Cristão Evangélico; Obreiro do Senhor Jesus Cristo, pela misericórdia de Deus; Professor da EBD; Capelão; Estudante persistente da Palavra de Deus; Membro da Igreja Evangélica Assembleia de Deus - Min. Boas Novas em Guarapari-ES. Casado com a Inês; pai do Hugo, do Lucas e da Milena.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.